Topo

Ocasio Cortez denuncia 'campos de concentração' para migrantes nos EUA

Alexandria Ocasio-Cortez - Scott Eisen/Getty Images
Alexandria Ocasio-Cortez Imagem: Scott Eisen/Getty Images

18/06/2019 19h15

A congressista democrata Alexandria Ocasio Cortez (AOC) denunciou nesta terça-feira (18) que os recintos onde são internados os imigrantes nos Estados Unidos são "campos de concentração", desatando críticas de republicanos que afirmam que isto menospreza os judeus que morreram durante o Holocausto.

"Os Estados Unidos têm campos de concentração na nossa fronteira sul e isto é exatamente o que são", disse na segunda-feira a congressista nas redes sociais, depois que vários veículos citaram especialistas que afirmam que os centros de detenção para migrantes têm essa estrutura.

Ocasio destacou ao vivo pelo Instagram que "o fato de os campos de concentração serem uma prática institucionalizada no 'lar dos livres' é muito perturbador", declarou, citando um trecho do hino americano, e acrescentou ser necessário fazer algo a esse respeito.

Ela disse, ainda, que "um governo que cria campos de concentração é fascista" e advertiu que não está utilizando estes termos de forma leviana.

O uso da expressão "campos de concentração" causou comoção nas redes sociais e a congressista republicana Liz Cheney afirmou que as declarações de Ocasio eram uma desonra para a memória das vítimas do Holocausto e para a própria representante democrata.

"Por favor @AOC, faça-nos um favor e passe alguns minutos lendo sobre a história. Seis milhões de judeus foram exterminados no Holocausto", destacou a política.

As detenções de migrantes na fronteira dos Estados Unidos com o México somaram 144.000 pessoas em maio, atingindo um máximo em 13 anos. Tratam-se, na maioria - embora não exclusivamente - de centro-americanos que fogem da violência e da pobreza.

O presidente Donald Trump transformou a luta contra a imigração ilegal em uma pedra angular de seu governo e tem se envolvido em uma dura queda de braço com o Congresso em sua busca de recursos para erguer um muro na fronteira com o México a fim de deter a chegada de migrantes aos Estados Unidos.

Mais Internacional