PUBLICIDADE
Topo

Dezenas de mortos em confrontos entre o EI e forças do regime na Síria, diz ONG

04/07/2020 18h17

Beirute, 4 Jul 2020 (AFP) - Confrontos entre as forças do regime sírio e os jihadistas do grupo Estado Islâmico (EI) causaram cerca de 50 mortes em 48 horas no centro do deserto do país em guerra, informou uma ONG neste sábado.

Na província de Homs (centro), os combates e ataques da aviação russa, que intervém em apoio ao governo do presidente sírio Bashar al-Assad, mataram 20 combatentes pró-regime e 31 jihadistas, informou o Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH).

Um saldo anterior apontava cerca de 40 mortes.

"Os combates começaram na noite de quinta para sexta-feira, com um ataque jihadista contra posições do regime" perto da cidade de Sukhna, no deserto central da Síria, segundo o diretor do OSDH Rami Abdel Rahman.

Desde sua derrota na Síria, em março de 2019, o EI realiza ataques regularmente, especialmente no vasto deserto que se estende da província central de Homs até a de Deir Ezzor (leste).

A guerra na Síria, desencadeada em 2011 com a supressão de manifestações pró-democráticas por Damasco, causou mais de 380.000 mortes.

tgg/bfi/mab/mar/bc/dga/cc