Merenda intoxica mais de 100 alunos no interior de São Paulo

A Santa Casa de Queluz, no interior de São Paulo, atendeu ontem (29) 105 alunos da rede municipal de ensino e três adultos, com sintomas de intoxicação alimentar depois de terem comido a merenda escolar servida durante a tarde. A comida foi fornecida pela cozinha piloto do município. Todos os atendidos foram medicados e já estão liberados. Não houve nenhum caso mais grave.

Segundo nota da Prefeitura de Queluz, a Vigilância Sanitária aguarda o resultado da análise de uma amostra do alimento enviada ao laboratório do Instituto Adolfo Lutz. "A Polícia Científica foi acionada e, também, esteve na Cozinha Piloto, porém não encontraram nenhuma irregularidade. Como parte do procedimento levaram amostra da merenda escolar para análise e, assim que houver o parecer final, a Prefeitura Municipal tomará as medidas cabíveis e necessárias."

Segundo a nota, a Secretaria Municipal de Saúde disponibilizou todos os seus funcionários e recursos necessários para a agilidade e melhor atendimento. "A prefeita Ana Bela lamenta o ocorrido e se solidariza com as famílias, ressaltando que todos os fatos serão apurados", diz a nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos