Prefeitura do Rio ameaça cassar autonomia de taxistas manifestantes

Da Agência Brasil, no Rio

  • Alessandro Buzas/Futura Press/Estadão Conteúdo

    Taxistas fazem manifestações, em vários pontos da cidade do Rio de Janeiro, contra o aplicativo Uber

    Taxistas fazem manifestações, em vários pontos da cidade do Rio de Janeiro, contra o aplicativo Uber

A Secretaria Municipal de Transportes do Rio de Janeiro ameaça cassar a autonomia (autorização para ter um táxi) de taxistas que promoverem manifestação contra o Uber interditando o tráfego depois das 12h. Segundo a secretaria, mesmo antes desse horário, multas foram aplicadas aos veículos que cometeram infrações de trânsito.

Agora, um grupo de taxistas está reunido em frente ao Tribunal de Justiça para protestar contra a decisão do Judiciário de derrubar a lei municipal que proíbe a circulação de carros do Uber na cidade.

Segundo a Secretaria de Transportes, a Procuradoria-Geral do Município já contestou judicialmente a legalidade do aplicativo do Uber, mas teve uma decisão desfavorável. "Nós entendemos a angústia dos taxistas e que isso gera prejuízo à atividade regulamentada para o táxi no Rio, mas as decisões judiciais precisam ser respeitadas e as contestações devem se dar no âmbito judicial", disse o secretário municipal de Transportes, Rafael Picciani, por meio da nota.

Durante a manhã de hoje, motoristas de táxi fizeram carreatas em velocidade muito reduzida em vários pontos da cidade, provocando engarrafamento. Por meio de nota, o Uber defendeu o direito dos passageiros escolherem o seu meio de transporte e o direito dos motoristas particulares de trabalharem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos