PUBLICIDADE
Topo

Com estoque baixo, Fundação Pró-Sangue pede doações antes do carnaval

Ludmilla Souza - Repórter da Agência Brasil

21/02/2017 16h55

A Fundação Pró-Sangue, em São Paulo, está com o estoque 50% abaixo do ideal. As doações costumam cair no período pré-carnaval, mas este ano a situação está mais crítica porque a redução ao longo de fevereiro foi significativa. A instituição prevê fechar o mês com 8 mil bolsas de sangue coletadas, sendo que são necessárias 12 mil bolsas mensais para suprir o abastecimento de cerca de 100 instituições de saúde da rede pública da região metropolitana de São Paulo. A queda de doações no mês poderá chegar de 35%, segundo a Pró-Sangue. "Além do carnaval ser um período crítico, nos últimos anos há um decréscimo de doação e está cada vez mais difícil conseguirmos o estoque ideal", destacou o médico responsável pelo Posto Regional de Osasco, Cássio Giannini. Segundo ele, as recentes epidemias, de dengue, por exemplo, restringiram ainda mais as doações. "Tivemos algumas epidemias e por isso precisamos ser mais rigorosos na triagem, isso também contribui para que o número de doadores seja menor". Apesar de registrar queda nas doações, o carnaval é justamente a época em que aumenta a demanda por sangue nos hospitais, diante do alto número de acidentes de trânsito e episódios de violência. "Os tipos de sangue O são os mais necessários, pois servem para vários receptores, mas todos os tipos são importantes", destacou Giannini. "Pedimos às pessoas que antes de caírem na folia pensem que elas podem ajudar de uma a quatro pessoas doando seu sangue, e para isso alguns postos estarão abertos durante o feriado." Para doar sangue é preciso estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 quilos e levar documento de identidade original com foto recente. O doador deve estar alimentado, mas é necessário evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e, bebidas alcoólicas, 12 horas antes. Se a pessoa estiver com gripe ou resfriado, não deve doar temporariamente e após recuperado, deve aguardar uma semana para que esteja apto à doação. Outros impedimentos poderão ser identificados durante a entrevista de triagem, no dia da doação. O posto Clínicas da Fundação Pró-Sangue fica na Avenida Dr. Enéas Carvalho de Aguiar, 155, 1º andar, a 200 metros da estação Clínicas do Metrô. A unidade atende das 7h às 18h, de segunda a sexta; das 8h às 17h aos sábados feriados e recessos; e das 8h às 13h nos 1º e 3º domingos de cada mês. O estacionamento é gratuito aos doadores. O horário de funcionamento dos demais postos de coleta pode ser consultado no site www.prosangue.sp.gov.br/doacao/Enderecos.aspx. Mais informações no Alô Pró-Sangue, pelo número 0800 55 0300. Veja o horário especial de funcionamento de postos Fundação Pró-Sangue durante o carnaval: 25 de fevereiro (sábado)
Posto Clínicas: das 8h às 17h
Posto Dante: das 8h às 16h
Posto Barueri, Posto Mandaqui e Posto Pedreira: fechados
Posto Osasco: das 8h às 16h 26 de fevereiro (domingo)
Todos os postos ficam fechados 27 de fevereiro (segunda-feira)
Posto Clínicas: das das 8h às 17h
Posto Mandaqui: das 12h45 às 18h
Posto Osasco: das 8h às 16h30
Posto Barueri, Posto Pedreira e Posto Dante: fechados 28 de fevereiro, (terça-feira)
Apenas o Posto Clínicas fica aberto, das das 8h às 17h 1º de março (Quarta-feira de Cinzas)
Posto Clínicas: das 8h às 18h
Posto Barueri: das 13h às 16h
Posto Dante: das 13h às 17h
Posto Mandaqui: das 13h às 18h
Posto Osasco: das 13h às 16h30
Posto Pedreira: fechado