Hollande pede votos para Macron; Le Pen recupera cinco pontos percentuais

Da Agência Brasil*

O presidente francês, François Hollande, pediu aos franceses neste sábado (29) que escolham o centrista Emmanuel Macron contra a oponente de extrema direita Marine Le Pen no segundo turno da eleição presidencial que ocorre no domingo dia 7 de maio. As informações são da Agência EFE.

Hollande havia dito anteriormente que votaria em seu ex-ministro da Economia, mas não tinha feito nenhum apelo direto aos eleitores.

"É preciso pegar a cédula de votação e considerá-la como a cédula que vai livrar [o país] da extrema direita", disse Hollande, ao participar de reunião de cúpula da União Europeia dedicada ao Brexit.

Os eleitores têm responsabilidade com a Europa e com a França, disse ele, em sobre a posição anti-União Europeia de Le Pen.

"As consequências seriam sérias se a França se afastasse da Europa. A escolha do povo francês é uma escolha para a França, mas também para a União Europeia."

Oposição

Pesquisas recentes indicam que Macron venceria no segundo turno com cerca de 60% dos votos, mas o momento na corrida é de Le Pen, que recuperou cerca de cinco pontos percentuais na semana passada.

Hoje, Le Pen anunciou que, caso eleita, o candidato derrotado no primeiro turno Nicolas Dupont-Aignan será seu primeiro-ministro, em uma tentativa de atrair os eleitores do candidato derrotado.

*Com informações da Agência EFE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos