Doria diz que recorrerá da decisão que proíbe aumento da velocidade nas marginais

São Paulo - O prefeito João Doria (PSDB) anunciou neste sábado (21) que irá recorrer da decisão da Justiça que proibiu o aumento da velocidade nas marginais. Ele afirmou que a Prefeitura entrará com recurso nesta segunda-feira (23).

"Há confiança absoluta de que vamos reverter essa decisão liminar. Pois a confiança que temos nos estudos técnicos preparados pela equipe da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), sob o comando do Sergio Avelleda (secretário de Transportes) serão absolutamente suficientes para convencer os juízes", disse. Doria também afirmou que a campanha sobre o aumento das velocidades nas marginais com a participação do ex-piloto Emerson Fittipaldi está suspensa até nova decisão judicial.

O juiz Luis Manoel Fonseca Pires, da 4.ª Vara da Fazenda Pública, acolheu na sexta-feira (20) pedido de liminar feito em ação movida pela Associação de Ciclistas Urbanos da Cidade de São Paulo (Ciclocidade), que argumentava que o aumento das velocidades traria risco ao trânsito, especialmente para ciclistas e pedestres. Os novos limites, uma das principais promessas de campanha do tucano, entrariam em vigor a partir da próxima quarta-feira, 25, dia do aniversário da cidade.

Doria anunciou ainda que a Prefeitura conseguiu 5.500 empregos para pessoas em situação de rua, sendo que 5 mil vagas são para o setor de conservação e limpeza. "Quinhentos empregos já começam a ser praticados esta semana", disse. Segundo ele, o objetivo é conseguir 20 mil empregos para moradores de rua. O critério para seleção "é ter vontade de trabalhar".

Pela manhã, o prefeito deu continuidade ao Programa Cidade Linda. Ele esteve na Avenida Santo Amaro, na região do Brooklin, na zona sul, onde pintou parte de um ponto de ônibus, tirou o tapume de um canteiro e posou para fotos. O vice-prefeito Bruno Covas, alguns secretários municipais e vereadores, também estiveram no local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos