Temer diz que relação com Rodrigo Maia é "a melhor possível"

Brasília

O presidente Michel Temer disse há pouco, após pronunciamento para exaltar a aprovação da reforma trabalhista no Senado, que sua relação com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, está muito boa. Ao ser questionado se a relação dos dois "tinha azedado", o presidente fez um gesto positivo com a mão e rebateu: "(a relação está) a melhor possível".

Acompanhado dos ministros Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência) e Eliseu Padilha (Casa Civil), e também do deputado Carlos Marun (PMDB-MS), e de seu marqueteiro Elsinho Mouco, o presidente fez uma fala para mostrar a vitória do governo e reforçar que segue trabalhando independente da denúncia contra ele por corrupção passiva que tramita na Câmara.

Temer tem articulado com Maia e com líderes da base para que a denúncia por corrupção passiva contra ele seja derrubada ainda nesta semana. No início desta terça-feira, fontes do Palácio Planalto diziam que a possibilidade de a denúncia ser apreciada no plenário da Câmara nesta sexta-feira, 14, era real e o governo estava atuando para que isso aconteça. Maia, entretanto, já deu declarações depois dizendo que respeitará o rito da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e a apreciação pode ficar para a semana que vem.

Apesar dos rumores de estremecimento da relação entre Temer e Maia, auxiliares do presidente dizem que a comunicação entre os dois está intensa e efetiva. Lembram, inclusive, que Maia recebeu Temer no retorno ao Brasil do G-20 na base aérea, tiveram um encontro domingo e uma outra reunião na segunda à noite no Jaburu.

Apesar disso, Maia não compareceu ao evento hoje no Planalto, no qual estava sendo aguardado. (Carla Araújo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos