PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
11 meses

Jorge Oliveira é exonerado de ministério e nomeado para vaga no TCU

Oliveira vai para o TCU na vaga decorrente da aposentadoria do ministro José Múcio Monteiro Filho - Mateus Bonomi/AGIF/Estadão Conteúdo
Oliveira vai para o TCU na vaga decorrente da aposentadoria do ministro José Múcio Monteiro Filho Imagem: Mateus Bonomi/AGIF/Estadão Conteúdo

Luci Ribeiro

Em Brasília

31/12/2020 08h32

O DOU (Diário Oficial da União) de hoje publica a exoneração de Jorge Oliveira do cargo de ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República e traz também sua nomeação como ministro do TCU (Tribunal de Contas da União)

A exoneração de Oliveira já estava prevista. Ele foi indicado para o TCU pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), em outubro e, em seguida, teve o nome aprovado pelo Senado. O substituto de Oliveira na Secretaria-Geral ainda não foi divulgado.

Major da reserva da Polícia Militar do Distrito Federal, advogado e amigo de Bolsonaro, Oliveira vai para o TCU na vaga decorrente da aposentadoria do ministro José Múcio Monteiro Filho.

O decreto de concessão da aposentadoria de Múcio também está publicado no Diário Oficial de hoje.

O governo Bolsonaro teve início em 1º de janeiro de 2019, com a posse do presidente Jair Bolsonaro (então no PSL) e de seu vice-presidente, o general Hamilton Mourão (PRTB). Ao longo de seu mandato, Bolsonaro saiu do PSL e ficou sem partido. Os ministérios contam com alta participação de militares. Bolsonaro coloca seu alinhamento político à direita e entre os conservadores nos costumes.