Venda de bicicletas supera a de carros na Itália

Em Roma

A Itália registra um aumento no uso de bicicleta como alternativa no transporte urbano, revela o Ministério de Infraestruturas e Transporte do país.

Em 2012, pela primeira vez após 48 anos, a venda de bicicletas superou a de carros, foram vendidas mais de 1,7 milhão bicicletas diante de cerca de 1,4 milhão carros.

O uso deste meio de transporte nos dias úteis triplicou desde 2001 quando os ciclistas urbanos eram apenas 2,9% da população adulta. Atualmente o número de usuários chegou a 9% da população, são 5 milhões de pessoas que usam a bicicleta de 3 a 4 vezes na semana.

"A Itália esta pronta para uma ciclo-revolução e a política tem a tarefa de dar respostas certas e concretas a esta grande demanda de mobilidade alternativa", afirmou o vice-ministro de Infraestruturas e Transportes, Erasmo D'Angelis.

"As leis atuais serão revistas e considerando este cenário positivo é importante que os direitos e os deveres expressem com clareza também a necessidade para todas as categorias de usuários, e em particular para os ciclistas, de serem mais responsáveis e compartilhar as medidas de prevenção e segurança adotando acessórios e sistemas de sinalização", acrescentou ele.

Ciclistas protestam pelo Brasil e pelo mundo
Ciclistas protestam pelo Brasil e pelo mundo

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos