Em testamento, Bowie deixa US$ 100 milhões para a família

NOVA YORK, 30 JAN (ANSA) - O testamento do cantor britânico David Bowie foi lido na noite desta sexta-feira (29) e revelou que o artista deixou US$ 100 milhões de herança para ser dividido entre sua esposa e seus dois filhos, revelou a imprensa local.   


Além disso, Bowie pediu que suas cinzas fossem levadas e espalhadas pela ilha de Bali e que, para isso, deveriam ser seguidas as tradições budistas. Caso não seja possível ir à Indonésia, as cinzas poderiam ser espalhadas em outro local desde que o ritual budista fosse realizado.   


Na questão financeira, a esposa do astro, Iman Abdul, recebeu US$ 50 milhões e o apartamento do casal em Nova York. Seus dois filhos receberão a outra metade do dinheiro dividido em partes iguais de US$ 25 milhões: Alexandria, 15 anos, é filha de Iman e Duncan Jones é filho do primeiro casamento de Bowie.   


O cantor ainda deu US$ 1 milhão para a babá de Jones, Marion Skene, que cuidou do menino enquanto ele estava em tratamento contra as drogas e sem a presença da mãe, e deu outros US$ 2 milhões para sua assistente pessoal, Corinne Coco Schwab.   


David Bowie faleceu no último dia 10, aos 69 anos, dois dias após lançar seu último disco, o "Blackstar". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos