Conheça as apostas brasileiras para medalha na Rio 2016

Por Tatiana Girardi SÃO PAULO, 04 JUL (ANSA) - As Olimpíadas do Rio de Janeiro darão ao Brasil a oportunidade de ganhar mais medalhas nos mais variados esportes. Entre os 482 classificados até o momento, os brasileiros são franco-favoritos em algumas modalidades, e em outras há a chance de grandes surpresas.   


Confira uma lista de apostas para medalhas olímpicas: Melhor atleta do Brasil em 2015, a nadadora de maratona aquática Ana Marcela tem as credenciais para disputar o ouro olímpico em sua categoria. No último ano, a atleta conquistou 11 pódios e um ouro no Mundial de Kazan.   


Outro grande concorrente é o ginasta Arthur Zanetti. Campeão olímpico em 2012 nas argolas, trazendo uma medalha inédita para a ginástica brasileira, o atleta é promessa de pódio no Rio de janeiro. Diego Hypólito também estará na competição e pode trazer medalha no solo. Essa será a primeira Olimpíada que o Brasil terá uma equipe de ginástica artística masculina.   


Já entre as meninas, a veterana Daniele Hypólito irá para sua quinta edição de Jogos Olímpicos e pode surpreender no solo e na trave. A maior aposta, no entanto, está na novata Flavia Saraiva, que tem sua maior força na disputa do solo.   


No atletismo, Fabiana Murer continua em boa forma para buscar uma medalha olímpica no salto com vara. Além de sua capacidade técnica, tendo sido campeã mundial em 2011, Murer ainda vê a melhor saltadora do mundo, Yelena Isinbayeva, fora dos Jogos por causa da suspensão do atletismo da Rússia. Com a maior delegação da história - ao todo serão 66 competidores - , o atletismo brasileiro busca resgatar os bons resultados de Olimpíadas passadas.   


Modalidade que mais deu medalhas olímpicas para o Brasil, o judô irá com a seleção completa no feminino e no masculino e tem grandes promessas de conquistas: entre elas, Sarah Menezes (ouro em Londres 2012), Érika Miranda, Rafaela Silva, Mariana Silva, Maria Portela, Mayra Aguiar e Maria Suelen Altheman. Já Felipe Kitadai, Charles Chibana, Alex Pombo, Victor Penalber, Tiago Camilo, Rafael Buzacarini e Rafael Silva estarão na disputa masculina.   


Outra categoria vitoriosa na história olímpica, a vela também tem boas perspectivas para a Rio 2016. Na classe 49er, Martine Grael e Kahena Kunze são apontadas como favoritas.   


A natação terá delegação recorde nos Jogos, apesar de não contar com o campeão olímpico Cesar Cielo. Outra dúvida ainda paira sobre a presença de Etiene Medeiros, flagrada em um exame antidoping, mas absolvida no Brasil pelo caso. Se a Federação Internacional de Natação (Fina) decidir recorrer da decisão brasileira no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), Medeiros ficará fora dos Jogos. Entre as boas apostas, estão Joanna Maranhão e Thiago Pereira.   


Já nos esportes coletivos, as equipes brasileiras têm grandes chances de medalhas em praticamente todas as categorias. Os maiores destaques estão por conta do vôlei e do handebol feminino, do futebol masculino e das duplas de vôlei de praia.   


No futebol feminino, há chances de pódio. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos