Seca atinge Itália e 10 regiões vão declarar calamidade

ROMA, 23 JUL (ANSA) - Ao menos 10 regiões da Itália estão prestes a declarar estado de calamidade natural devido à seca que atinge dois terços do território do país. As associações comerciais italianas, como a Coldiretti, já calculam 2 bilhões de euros em danos provocados ao setor rural. O status de calamidade natural ajudará as regiões a receberem auxílio extra do Ministério das Políticas Agrícolas. A medida permite que as empresas suspendam o pagamento de hipotecas, assim como algumas contribuições a fundos e ao fisco.   

O verão deste ano tem sido mais rigoroso para a Itália, com temperaturas sempre acima dos 30ºC e com sensação térmica de mais de 40ºC em várias cidades do país. O clima seco também favorece o surgimento de focos de incêndio. A capital italiana, Roma, está entre as afetadas pela crise hídrica e haverá racionamento de água para 1,5 milhão de pessoas. A Prefeitura deverá colocar em vigor um plano de interrupção de fornecimento de água por 8 horas diárias, principalmente entre os períodos da noite e da manhã. A medida pode valer a partir de 28 de julho e não há prazo para ser encerrada. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos