Presidente diz que iranianos são livres e critica Trump

ROMA, 31 DEZ (ANSA) - O presidente do Irã, Hassan Rohani, se manifestou pela primeira vez sobre a série de protestos que se espalharam pelo país e disse que o "povo iraniano é livre para se manifestar". "O povo iraniano não se preocupa só com a economia, mas também com a corrupção e a transparência do governo", disse Rohani. Ao fazer o pronunciamento, o líder criticou os comentários feitos pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e por membros do governo norte-americano, incitando os protestos.   

Segundo o mandatário, as "suas declarações interferem nas atividades das autoridades do Irã" e ressaltou que, ao apoiar os manifestantes, ele se esqueceu que, recentemente, "chamou todos os iranianos de terroristas".   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos