Principal opositor de Putin é preso durante manifestação

MOSCOU, 28 JAN (ANSA) - O mais conhecido opositor do presidente russo Vladimir Putin, Alexei Navalny, foi preso neste domingo (28) após discursar em Moscou em um dos protestos contra o governo do país.   

O movimento de hoje, organizado pelo próprio Navalny, se espalhou por 115 cidades do território e pede o boicote às eleições presidenciais do dia 18 de março. O opositor foi proibido de concorrer ao pleito por conta de uma condenação de ter se apossado de bens públicos.   

No entanto, ele sempre afirmou que é alvo de um processo político para afastá-lo da disputa eleitoral.   

A prisão ocorreu no mesmo dia em que agentes da polícia invadiram o escritório de sua fundação anticorrupção sob a alegação de um "alarme de bomba". No entanto, os policiais levaram computadores, servidores e vídeos das câmeras de vigilância da entidade. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos