PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump nomeia conservador Brett Kavanaugh para Suprema Corte

10/07/2018 10h01

WASHINGTON, 10 JUL (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nomeou ontem (9) o juiz Brett Kavanaugh para a Suprema Corte, consolidando a tendência conservadora da mais alta instância judicial do país. Kavanaugh, de 53 anos, é casado e tem duas filhas. Atualmente atua no Tribunal de Apelações de Washington. Favorito pelo establishment republicano, dizem nos bastidores que ele é um dos poucos que conhecem tão bem os imbróglios judiciais do país. O magistrado é ex-assessor de George W.Bush. Ele começou sua carreira como secretário do juiz Anthony Kennedy, quem sucederá na Suprema Corte no fim do mês, quando o juiz de 81 anos se aposentar. Ele também foi assistente de Kenneth Starr, um promotor independente que investigou uma operação imobiliária de Bill Clinton que acabou levando a um processo de impeachment contra o então presidente democrata, em 1998. Formado na Universidade de Yale, Kavanaugh se opôs ao "Obamacare", o plano universal de seguro de saúde promovido pelo antecessor de Trump, o presidente democrata Barack Obama. Ele também é contrário ao aborto e favorável à posse de arma. "O juiz Kavanaugh tem credenciais impecáveis, qualificações insuperáveis e um compromisso comprovado de justiça igualitária perante a lei", disse Trump. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional