Topo

Noruega prende terrorista condenado na Itália

16/07/2019 10h26

BOLZANO, 16 JUL (ANSA) - A polícia norueguesa prendeu na noite desta segunda-feira (15) o iraquiano Faraj Ahmad Najmuddin, conhecido também como "Mullah Krekar", condenado a 12 anos de prisão na Itália por planejar um ataque terrorista.   

A detenção foi anunciada pela agência de segurança da Noruega em sua conta oficial no Twitter poucas horas depois de um tribunal italiano ter sentenciado Krekar pela tentativa de derrubar o governo curdo no norte do Iraque e criar um califado islâmico. Segundo o Ministério Público da Itália, o suposto terrorista, que vive na Noruega, é membro do Rawti Shax, uma ramificação europeia do grupo jihadista Ansar al'Islam, que quer derrubar o governo no Curdistão. Krekar negou todas as acusações e seu advogado de defesa anunciou que irá recorrer da sentença. No entanto, ele se recusou a viajar para a Itália, alegando temer ser extraditado para o Iraque depois do julgamento.   

Em 2015, as autoridades europeias prenderam 17 suspeitos de terrorismo e desmantelou sua célula jihadista. De acordo com a justiça italiana, Krekar era o líder da operação do Rawti Shax que recrutou combatentes terroristas estrangeiros para serem enviados ao Iraque e à Síria com apoio logístico e financeiro.   

Na ocasião, o terrorista foi acusado de organizador e ser o diretor estratégico do grupo, decidindo sobre importantes assuntos, como a participação no conflito sírio e a aliança com o Estado Islâmico (EI, ex-Isis). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional