Rússia vai construir réplica do Reichstag para paramilitares

Construção deve ser usada por membros do movimento Yunarmia em local apelidado de "Disneylândia militar". Projeto faz parte de iniciativa para promover o militarismo na sociedade.Militares russos anunciaram que vão construir uma cópia em escala reduzida do Reichstag, a sede do Parlamento Alemão em Berlim, para que os jovens membros de uma organização paramilitar possam ensaiar ataques. O ministro da Defesa, Sergei Shoigu, disse que a construção ficará a cargo das Forcas Armadas. A réplica deve ser instalada no Parque Patriota, uma espécie de parque temático de orientação militar nos arredores de Moscou. Shoigu espera que a construção seja usada pelos membros do Yunarmia, um movimento com estrutura militar que promove valores patrióticos entre crianças e adolescentes russos. Ao justificar o projeto, o Ministro da Defesa disse desejar que os membros do Yunarmia ataquem "uma locação específica, e não algo abstrato". O Reichstag tem uma simbologia especial para os militares russos. Em 1945, tropas do Exército Vermelho tomaram o prédio durante a batalha por Berlim, o evento que marcou o fim da Segunda Guerra Mundial na Europa. A fotografia de um soldado russo desfraldando a bandeira da antiga União Soviética no topo da construção acabou se tornando uma das imagens mais famosas do conflito. O governo alemão não comentou a iniciativa russa de construir uma réplica do Parlamento. O anúncio ocorre em um momento em que as relações dos dois países passam por um momento sensível por causa da condenação pública do governo da chanceler Angela Merkel às ações militares russas na Ucrânia. Berlim também apoiou as sanções econômicas contra a Rússia. Lançado em 2015 pelo próprio Shoigu, o Yunarmia é parte de uma série de iniciativas do governo russo para promover o militarismo na sociedade. Os membros da organização incluem crianças de até dez anos, que aprendem como usar armas e a lutar, entre outras habilidades militares. O Yunarmia tem como modelo associações que existiram na antiga URSS e conta com 42 mil membros. O parque onde os membros do grupo vão treinar também foi lançado em 2015. Apelidado de "Disneylândia militar" por alguns jornais ocidentais, o parque exibe tanques de guerra e reconstruções de cenários de batalhas da Segunda Guerra Mundial em uma área de cinco hectares. JS/dpa/rt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos