Maior parte de Cabul fica as escuras após ataque talibã a rede elétrica

Cabul, 27 jan (EFE).- Cerca de 70% de Cabul está nesta quarta-feira às escuras, depois de os talibãs explodirem ontem à noite uma torre de alta tensão que abastece a capital desde o Uzbequistão, disse à Agência Efe um porta-voz do Departamento de Gestão de Eletricidade, Wahidulá Tawhidi.

As autoridades já trabalham para retomar o fornecimento de energia após a explosão da torre, que fica no distrito de Dand-e-Ghori, na província nordeste de Baghlan.

Tawhidi acrescentou que não puderam restabelecer o fornecimento ainda porque os talibãs semearam a área com minas, e especificou que as forças de segurança, que lançaram ontem uma operação antiterrorista, estão tentando fazer os insurgentes recuarem para facilitar o acesso dos seus empregados à área.

Uma fonte da segurança provincial que pediu anonimato afirmou que a destruição da torre é uma tentativa dos insurgentes de aliviar a pressão militar a que estão submetidos desde o início da "grande" ofensiva em Dand-e-Ghori, horas antes.

Desde o início dessa operação, 18 talibãs morreram e outros 17 ficaram feridos, entre eles dois comandantes locais, indicou o porta-voz do Ministério de Defesa, Dawlat Waziri, em sua conta no Twitter.

Esse distrito faz divisa com as áreas inseguras da província de Kunduz, onde os talibãs têm uma forte presença há anos e cuja capital foi tomada temporariamente em setembro, a maior conquista militar dos insurgentes desde a queda do regime, em 2001.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos