Mercosul comemora seus 25 anos com debate em Assunção sobre seu futuro

Assunção, 28 nov (EFE).- O governo do Paraguai anunciou nesta segunda-feira a realização de um simpósio internacional no próximo dia 1º de abril no qual se debaterá o futuro do Mercosul e que será organizado por ocasião do 25º aniversário da fundação do bloco nesta capital, por meio do denominado Tratado de Assunção.

O objetivo do encontro, que será realizado na sede da chancelaria, em Assunção, é analisar o presente e o futuro do Mercosul e "brindar contribuições para a construção de uma melhor integração em benefício dos países que o integram", segundo o comunicado do Ministério das Relações Exteriores paraguaio.

Para o simpósio estão convidados analistas como o argentino Félix Peña, ex-membro do Mercado Comum do Mercosul, e o diplomata brasileiro José Botafogo Gonçalves, entre outros.

O Mercosul nasceu em 26 de março de 1991 em Assunção com Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai como membros originais, aos quais uniu-se a Venezuela anos depois.

A presidência temporária do bloco, que muda a cada seis meses, está atualmente com o Uruguai, país que tem como desafio ativar as negociações para um tratado de livre-comércio com a União Europeia (UE).

A UE persegue desde 2000 um tratado com quatro países do Mercosul (Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai) que liberalizaria o comércio em um mercado de 700 milhões de pessoas, mas as negociações ainda não renderam frutos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos