Colégios eleitorais abrem na Espanha

Madri, 26 jul (EFE).- Os colégios eleitorais abriram neste domingo na Espanha, onde mais de 36 milhões de eleitores foram chamados às urnas para repetir as eleições legislativas de dezembro do ano passado, que acabaram com o bipartidarismo e impediram a formação de um governo.

Os eleitores poderão escolher entre 1.127 candidaturas, embora apenas quatro disputem a vitória: o conservador PP (no poder), o socialista PSOE, e os emergentes (liberais centristas) e Unidos Podemos (esquerdas). Nenhum delesconseguiria maioria absoluta para formar governo sozinho, segundo as pesquisas.

As urnas abriram às 9h (horário local, 4h em Brasília) e fecharão às 20h (15h). Os resultados estão previstos a partir das 22h30 (17h30) e poderão ser acompanhados pela internet.

O presidente espanhol e líder do PP, Mariano Rajoy, concorre à reeleição e sua candidatura será a mais votada, segundo as pesquisas, mas precisa de apoios para governar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos