Partido Conservador acredita ter novo líder até 2 de setembro

Londres, 27 jun (EFE).- O Partido Conservador britânico acredita que terá eleito o novo líder da formação e, portanto, novo primeiro-ministro, até 2 de setembro, informou nesta segunda-feira o comitê encarregado de supervisionar o processo.

Cameron comunicou na sexta-feira passada sua intenção de renunciar em outubro após o triunfo do "Brexit", a saída britânica da União Europeia (UE), no referendo de quinta-feira.

O líder conservador disse que o próximo líder já deverá ter sido eleito antes da realização do congresso anual da formação, marcado para o começo de outubro, na cidade inglesa de Birmingham.

O Comitê 1922 do partido, que agrupa deputados "tories" e responsáveis do processo de escolha do líder, informou hoje que os aspirantes poderão apresentar suas candidaturas a partir desta quarta-feira e terão prazo para fazer até o meio-dia de quinta-feira.

Os nomes que soam como possíveis candidatos são o ex-prefeito de Londres Boris Johnson, a cargo da campanha do "Brexit", e a ministra de Interior, Theresa May, que apoiou a permanência, mas é vista como uma figura unificadora dentro do partido.

A decisão final sobre a eleição do novo líder será tomada pelos filiados conservadores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos