Cúpula militar turca diz que soube do golpe poucas horas antes

Em Ancara

O Estado-Maior das Forças Armadas da Turquia obteve informação sobre o iminente golpe militar na tarde da sexta-feira, horas antes de ocorrer, afirmou nesta terça-feira a cúpula militar em comunicado.

A nota, publicada no site oficial da instituição, afirma que os serviços secretos turcos, conhecidos sob as siglas MIT, informaram ao Estado-Maior da possibilidade de golpe às 16h local (10h, em Brasília) de 15 de julho.

O comunicado diz que os comandantes convocaram uma reunião do Estado-Maior e deram ordem para que nenhum tanque e nem aparelho aéreo deixassem os quartéis, ordem desobedecida pelos golpistas.

Os primeiros testemunhos de cidadãos sobre voos rasantes de caças sobre Ancara, primeiro sinal público do golpe, começaram a se difundir por volta das 22h, hora local, e meia hora mais tarde, as televisões informaram sobre o bloqueio militar das pontes do Bósforo em Istambul.

Os conspiradores, ao tomar o quartel central do Exército, tentaram forçar o chefe do Estado-Maior, general Hulusi Akar, a ler o comunicado perante uma câmera de televisão, fato ao qual este se negou de forma taxativa, acrescenta a nota.

O texto define os golpistas como "assassinos com as mãos manchadas de sangue".

O comunicado diz que trata-se de "membros do grupo traidor terrorista FETÖ", um termo cunhado pela Promotoria no ano passado para descrever as redes de seguidores do predicador turco Fethullah Gülen, exilado nos Estados Unidos.

Gülen, cuja rede de simpatizantes nunca advogou por atividades violentas ou armadas, negou envolvimento.

Segundo o comunicado, os golpistas foram definitivamente derrotados às 16h local (10h, em Brasília) de 17 de julho, e o governo recuperou o controle total em todas as unidades das Forças Armadas.

Palácio do governo enfrenta explosões durante tentativa de golpe

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos