Candidato a vice de Hillary critica visão de Trump sobre latinos

Miami, 25 jul (EFE).- O virtual candidato democrata à vice-presidência dos Estados Unidos, Tim Kaine, criticou que Donald Trump, o candidato republicano à presidência, veja os latinos como "pessoas de segunda classe".

Em entrevista concedida à emissora latina "Telemundo" e divulgada nesta segunda-feira, Kaine declarou que o republicano não só "está brigando contra a reforma do sistema migratório", mas, para ele, "os latinos são gente de segunda classe".

O senador pela Virgínia lembrou a promessa de Hillary Clinton, a virtual candidata presidencial do Partido Democrata, de trabalhar para que nos "primeiros 100 dias de governo o Congresso aprove uma reforma migratória", uma meta que a ex-secretária de Estado já apoiava desde 2006 quando era senadora e que mantém na atualidade, segundo afirmou.

"Estamos brigando a cada dia por uma reforma do sistema migratório", reforçou Kaine, ex-governador da Virgínia, durante uma entrevista feita totalmente em espanhol, idioma que Kaine domina.

Durante a conversa, Kaine não ignorou a polêmica provocada no final de semana pelo vazamento do portal Wikileaks de quase 20.000 e-mails do Comitê Nacional Democrata (DNC, na sigla em inglês), nos quais altos funcionários do partido falam de estratégias para debilitar o senador Bernie Sanders durante a campanha de primárias.

O candidato à vice-presidência defendeu, no entanto, que são "os eleitores nos 50 estados" os que escolhem os candidatos, "não a equipe em um escritório em Washington", e que esses votos serão respeitados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos