Governo, Farc e ONU começam trabalhos conjuntos de monitoramento da paz

Bogotá, 30 set (EFE).- O governo colombiano, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e as Organização das Nações Unidas (ONU) começaram nesta sexta-feira os trabalhos conjuntos do mecanismo triplo criado para monitorar e verificar o cessar-fogo bilateral e definitivo, após a assinatura do acordo de paz na segunda-feira passada.

"Este trabalho conjunto é fundamental. Constitui uma garantia inicial para todos os colombianos e avança com o estipulado e aprovado unanimemente pelo Conselho de Segurança da ONU", afirmou o coordenador do Mecanismo e chefe dos observadores internacionais da Missão da ONU na Colômbia, Javier Pérez, em comunicado.

Ao todo, nove representantes das Forças Armadas, nove das Farc e 18 observadores internacionais da ONU começaram a trabalhar hoje na "sede nacional do mecanismo de monitoramento e verificação" em Bogotá. Além disso, representantes das três partes começarão a trabalhar a partir da próxima segunda-feira nas cidades de Florencia, Popayán, San José del Guaviare, Valledupar e Villavicencio, cinco das oito sedes regionais do mecanismo.

"Este mecanismo que instalamos hoje reflete o compromisso do governo Nacional, das Farc e das Nações Unidas de iniciar a construção de uma paz estável e duradoura para a Colômbia", disse o contra-almirante Orlando Romero, delegado do governo.

Os representantes trabalham em "atividades vinculadas" para monitorar e verificar o cessar-fogo, assim como na coordenação logística das Zonas Transitórias de Normalização (ZVTN) e os acampamentos onde os guerrilheiros se reunirão como passo prévio para entregar as armas e se desmobilizar.

"Seguimos o caminho da paz com justiça social em benefício de todos no país. O mecanismo funcionará como garantia de cumprimento do estipulado", afirmou, por sua vez, o delegado das Farc, Luis Alberto Albán, conhecido como "Marco León Calarcá".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos