Honduras transmite condolências a Cuba pela morte de Fidel

Tegucigalpa, 26 nov (EFE).- O governo de Honduras expressou neste sábado suas "mais sinceras" condolências às autoridades e ao povo de Cuba pela morte de Fidel Castro.

"O povo e governo da República de Honduras manifestam suas mais sinceras e sentidas condolências e pesar ao povo e governo da República de Cuba pelo sensível falecimento do ex-presidente Fidel Castro", declarou o Ministério das Relações Exteriores hondurenho através de um comunicado.

Poucas horas após a morte de Fidel, o Conselho de Estado informou sobre os detalhes das honras fúnebres e os nove dias de luto nacional em honra ao líder revolucionário, que completou 90 anos no dia 13 de agosto e que delegou o poder a seu irmão Raúl em 2006.

O governo hondurenho também manifestou "sua firme vontade de seguir fortalecendo os vínculos bilaterais e a amizade histórica" que lhe une a Cuba.

Cuba e Honduras têm relações diplomáticas desde 1903, embora tenham sido interrompidas em 1961 e restabelecidas em 2002.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos