Incêndio em centro de refugiados deixa 200 pessoas sem teto na Tailândia

Bangcoc, 6 jul (EFE).- Pelo menos uns 200 membros da etnia karen estão hoje sem teto após o incêndio que na noite de quarta-feira destruiu parte de um acampamento de refugiados no noroeste da Tailândia.

O governador da província de Mae Hong Son, Suebsak Iamwichan, e membros da Cruz Vermelha visitaram nesta quinta-feira, com ajuda humanitária, as vítimas, de acordo com o jornal local "The Nation".

O incêndio ocorreu no acampamento Ban Mai Nai Soi, situado em Mae Hong Son, capital da província homônima, e destruiu 36 moradias.

Cerca de 8 mil karens, que escaparam da violência na Birmânia (Myanmar), residem nesse campo de refugiados localizado cerca de 680 quilômetros ao noroeste de Bangcoc.

A Tailândia tem 102 mil refugiados birmaneses em nove acampamentos instalados perto da fronteira com a Birmânia, segundo dados do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos