Puigdemont denuncia em Bruxelas a politização da Justiça espanhola

Bruxelas, 31 out (EFE).- O ex-presidente da região da Catalunha, Carles Puigdemont, denunciou nesta terça-feira em Bruxelas a "politização da Justiça" espanhola e garantiu que há "ausência de imparcialidade".

Puigdemont, que se declarou o "presidente legítimo" da região da Catalunha, alertou em entrevista coletiva para "o grave déficit democrático que há hoje no Estado espanhol".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos