Puigdemont diz que voltará à Espanha se tiver garantias de "julgamento justo"

Bruxelas, 31 out (EFE).- O ex-presidente da região da Catalunha, Carles Puigdemont, afirmou nesta terça-feira em entrevista coletiva em Bruxelas que voltará à Espanha "rapidamente" se tiver "garantias" judiciais.

"Se houver garantias imediatas e tratamento justo, se me garantirem um julgamento justo com separação de poderes na Espanha - o que se deve esperar de um país europeu -, se for assim, voltaremos rapidamente", assegurou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos