PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Vladimir Zhirinovsky anuncia candidatura às eleições presidenciais da Rússia

20/12/2017 11h31

Moscou, 20 dez (EFE).- O líder do ultranacionalista Partido Liberal Democrática Rússia (PLDR), Vladimir Zhirinovsky, foi proclamado nesta quarta-feira candidato à Presidência russa pelo congresso de sua formação, uma das quatro que conta com representação parlamentar.

Para Zhirinovski, de 71 anos, está será a sexta eleição presidencial - marcada para 18 de março - na qual concorre como candidato em sua longa trajetória política.

Zhirinovski obteve seu melhor resultado em 2008, quando alcançou 9,35% dos apoios, em uma votação na qual o atual primeiro-ministro, Dmitir Medvedev, saiu vencedor.

Neste ano, o atual chefe de Estado, Vladimir Putin, cumpria seu segundo mandato à frente do Kremlin e não pôde concorrer à reeleição (a Constituição russa proíbe exercer a chefia do Estado mais de dois períodos consecutivos), por isso que promoveu a candidatura de Dmitri Medvedev.

Segundo um pesquisa de intenções de voto publicada hoje, entre cinco candidatos propostos aos indagados, Zhirinovski figura em segundo lugar com 4,1%, muito atrás de Putin (83%), que há duas semanas anunciou que tentaria a reeleição como candidato independente.

Ao ser proclamado candidato por um partido com representação parlamentar, Zhirinovski não terá que reunir assinaturas para inscrever sua candidatura, enquanto Putin, como independente, terá que recolher pelo menos 300 mil assinaturas que assegurem sua candidatura.

O político ultra-nacionalista, partidário de reimplantar a pena de morte na Rússia, é conhecido pelas suas polêmicas declarações e frequentes saídas de tom.

Internacional