Temer transfere presidência do Mercosul para Horacio Cartes

Brasília, 21 dez (EFE).- O presidente do Paraguai, Horacio Cartes, recebeu nesta quinta-feira do presidente Michel Temer a presidência semestral do Mercosul, durante a qual anunciou que espera concretizar o acordo de livre-comércio que o bloco negocia com a União Europeia (UE).

"Desejo ao presidente Cartes um pleno êxito na condução do Mercosul", declarou Temer perante Cartes e os presidentes da Argentina, Mauricio Macri, e Uruguai, Tabaré Vázquez, no encerramento da 51ª Cúpula do Mercosul, realizada hoje em Brasília.

Ao assumir formalmente a presidência do bloco, Cartes pediu que o Mercosul "recupere o tempo perdido" e "continue trabalhando" a favor do acordo com a UE.

"Há 21 anos buscamos esse acordo e já é hora de que o alcancemos", destacou Cartes.

Em seu discurso, o governante paraguaio se comprometeu a "imprimir o dinamismo exigido pelo processo de integração" e a aprofundar o desenvolvimento de produtos de valor agregado e ecológico.

"Esperamos aprofundar a cadeia de valor dentro do processo de produção com produtos de valor agregado para que tenham o impacto socioeconômico que desejamos", destacou.

Cartes disse ainda que nos próximos meses proporá a "criação de um grupo de alto nível" com o setor privado para analisar a abertura de novos mercados agrícolas.

"O Paraguai se manifesta a favor da integração do continente e da expansão dos mercados da região", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos