Santos anuncia que Colômbia ingressará na Otan como "parceiro global"

Bogotá, 25 mai (EFE).- O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, anunciou nesta sexta-feira que seu país ingressará na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) como "parceiro global", se tornando o primeiro país da América Latina a fazer parte desse bloco.

"Formalizaremos em Bruxelas na semana que vem, e isto é muito importante, o ingresso da Colômbia na Otan na categoria de parceiro global. Seremos o único país da América Latina com este privilégio", disse Santos em declaração na Casa de Nariño, sede do Governo.

O presidente formalizará no dia 31 de maio em Bruxelas a entrada do país para a organização e se reunirá com seu secretário-geral, o ex-primeiro-ministro norueguês Jens Stoltenberg.

"Ser parte da OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico) e da Otan melhora a imagem da Colômbia e nos permite ter muito mais presença no cenário internacional", acrescentou o presidente.

Os países da OCDE aprovaram nesta mesma sexta-feira a entrada da Colômbia no organismo, como membro de número 37, ao final de um processo de adesão que começou há mais de sete anos.

"Ser membros da OCDE nos permitirá fazer as coisas melhores, ao nos indicarem o quê deu errado e o quê funcionou em outros países. Nos permite, em resumo, melhorar as nossas políticas públicas", afirmou Santos.

Um porta-voz do organismo em Paris disse à Agência Efe que a adesão será efetiva assim que a Colômbia cumprir com uma série de passos internos, em particular a ratificação pelo Parlamento da convenção da OCDE, assim como o depósito do instrumento de adesão perante o Governo francês.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos