PUBLICIDADE
Topo

Internacional

OEA elogia "tranquilidade e organização" das eleições no Brasil

28/10/2018 12h16

Brasília, 28 out (EFE).- A ex-presidente da Costa Rica Laura Chinchilla, chefe da missão de observadores que a Organização dos Estados Americanos (OEA) enviou ao Brasil para acompanhar as eleições presidenciais deste domingo, afirmou que elas acontecem de forma "tranquila e organizada".

Chinchilla visitou uma escola de Brasília utilizada como centro eleitoral e, a jornalistas, disse que o processo transcorria sem incidentes.

"Estamos observando que tudo está transcorrendo de uma forma muito tranquila e organizada, assim como ocorreu no primeiro turno", declarou.

No segundo turno, os eleitores escolherão entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) para novo presidente da República, e em 13 estados e no Distrito Federal definirão novos governadores.

Nos últimos dias, a missão da OEA ,manifestou preocupação com o uso de redes sociais e da plataforma WhatsApp para a divulgação de notícias falsas contra os dois candidatos, algo que, pela magnitude com que ocorreu, classificou como "sem precedentes" e, todo o mundo.

A missão liderada por Chinchilla anunciou que apresentará amanhã um relatório sobre a observação que fez do segundo turno.

Internacional