PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Presidentes da Coreia do Sul e EUA se reunirão em abril na capital americana

29/03/2019 00h49

Seul, 29 mar (EFE).- Os presidentes da Coreia do Sul e Estados Unidos, Moon Jae-in e Donald Trump, respectivamente, se reunirão em Washington, no próximo dia 11 de abril, em um momento marcado por uma nova paralisia no diálogo com a Coreia do Norte sobre a desnuclearização.

Moon aterrissará nos EUA no dia 10 de abril e se reunirá com Trump no dia seguinte, informou nesta sexta-feira o gabinete da presidência sul-coreana.

Será a primeira reunião entre ambos desde a cúpula de Hanói entre Trump e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, no final de fevereiro, que terminou sem acordo sobre o processo para o desarmamento do regime de Pyongyang.

"Os dois líderes analisarão em profundidade formas de fortalecer a aliança entre Seul e Washington e coordenar suas posições a fim de estabelecer um regime de paz na península coreana por meio da desnuclearização total", explicou em entrevista coletiva, o porta-voz da presidência Yoon Do-han.

O desacordo em Hanói girou em torno do número de ativos do programa nuclear norte-coreano a ser desmantelado e do volume de sanções internacionais contra Pyongyang que os EUA aliviariam como "medida correspondente".

Segundo a versão de Washington, o regime norte-coreano pediu o levantamento de todas as sanções em troca do desmantelamento do seu centro de pesquisa nuclear em Yongbyong, uma oferta considerada insuficiente pela Casa Branca.

Por sua parte, Pyongyang diz que só pediu o levantamento das sanções que afetam a vida cotidiana dos norte-coreanos e não estão estritamente ligadas a seus programas de armas. EFE

Internacional