PUBLICIDADE
Topo

Jovem de 19 anos é apontado como autor do tiroteio em festival na Califórnia

28.jul.2019 - Viaturas da polícia no local onde um atirador abriu fogo em uma feira gastronômica na Califórnia - Philip Pacheco / AFP
28.jul.2019 - Viaturas da polícia no local onde um atirador abriu fogo em uma feira gastronômica na Califórnia Imagem: Philip Pacheco / AFP

Em São Francisco

29/07/2019 16h06

O autor do tiroteio de domingo em um festival gastronômico ao ar livre em Gilroy, na Califórnia, Estados Unidos, que terminou com saldo de quatro mortes - incluindo o atirador, que foi morto pela polícia - foi um jovem de 19 anos, informou hoje a imprensa americana, citando fontes da investigação.

O suspeito foi identificado como Santino William Legan, morador de Gilroy e que publicou imagens do Festival do Alho (Gilroy Garlic Festival) instantes antes de iniciar o ataque.

Em duas postagens no Instagram, na qual se define como italiano e iraniano, Legan fez críticas ao festival por vender produtos "a preços excessivos" e se referiu ao público como "hordas de mestiços e brancos estúpidos do Vale do Silício".

Além dos quatro mortos, outras 12 pessoas ficaram feridas no ataque (inicialmente, a polícia informou que foram 15).

Legan conseguiu entrar no local do festival - para ter acesso era preciso passar por um detector de metais - cortando uma cerca protetora na tarde de domingo e atirou de forma indiscriminada com um fuzil.

Por enquanto, apenas dois dos mortos tiveram a identidade revelada: o próprio autor dos tiros e uma criança de origem latina de seis anos, cujo assassinato foi confirmado pelo pai, Alberto Romero, à emissora local afiliada à rede de televisão "NBC".

Em entrevista coletiva no domingo à noite, o chefe da polícia de Gilroy, Scott Smithee, disse que os agentes responderam "em menos de um minuto" após os primeiros disparos e conseguiram abater o principal suspeito, embora várias testemunhas tenham dito à polícia que o ataque pode ter tido a participação de uma segunda pessoa.

Internacional