PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Colômbia passa de 100 mil casos de coronavírus, com quase 3,5 mil mortes

Homem protege o rosto na Colômbia durante a pandemia do novo coronavírus - Guillermo Legaria Schweizer/Getty Images
Homem protege o rosto na Colômbia durante a pandemia do novo coronavírus Imagem: Guillermo Legaria Schweizer/Getty Images

De Bogotá

02/07/2020 01h04

A Colômbia superou nesta quarta-feira a marca de 100 mil casos de coronavírus e está perto de chegar a 3,5 mil mortes, de acordo com o boletim diário do Ministério da Saúde sobre a pandemia, que vem ganhando força em Bogotá, no Atlántico e em outros departamentos da região do Caribe.

As autoridades sanitárias informaram que hoje houve um registro de 4.163 infecções no país, elevando o número nacional para 102.009, dos quais 54.941 casos ainda estão ativos, o equivalente a 53,85%.

O relatório também mostra 136 mortes, 49 delas em Barranquilla, capital do Departamento do Atlántico, incluindo um senhor de 100 anos. Outra vítima foi um garoto de apenas 11 anos, em Cartagena das Índias. Dessa forma, já houve 3.470 pelo SARS-CoV-2 desde que o vírus chegou ao país vizinho.

Nas últimas 24 horas, o Ministério da Saúde contou a recuperação de 1.334 pessoas, elevando o total de pacientes curados para 43.407, ou 42,55% dos infectados.

Alto número de mortes no Atlántico

Com 65 mortes, o Atlántico foi hoje o departamento mais afetado pela pandemia, uma situação que colocou à prova a capacidade dos serviços funerários do departamento, onde a população relata atrasos de até 24 para recolher os corpos.

Além disso, houve 19 mortes em Bogotá, nove em Magdalena, oito em Bolívar, enquanto Sucre e Valle del Cauca foram responsáveis por sete mortes cada.

Outros cinco óbitos ocorreram em Nariño e quatro em Córdoba, enquanto os departamentos de Cundinamarca, Cesar, Cauca e Antioquia tiveram duas mortes cada. Os outros quatro aconteceram em La Guajira, Boyacá, Chocó e Santander.

Coronavírus