PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
2 meses

Rússia negocia com Talibã a retirada de cidadãos de países terceiros

A Rússia manteve aberta sua embaixada em Cabul e mantém contatos com o Talibã através de sua legação no país - Mikhail Klimentyev/TASS via Getty Images
A Rússia manteve aberta sua embaixada em Cabul e mantém contatos com o Talibã através de sua legação no país Imagem: Mikhail Klimentyev/TASS via Getty Images

Em Moscou

10/09/2021 00h03

A Rússia está negociando com o Talibã para a retirada de cidadãos de países terceiros do Afeganistão com a ajuda de Moscou, afirmou ontem o presidente Vladimir Putin.

"Muitas pessoas nos perguntam se podemos ajudá-los a tirar cidadãos de países terceiros e até mesmo alguns afegãos do Afeganistão", disse o chefe do Kremlin, em entrevista coletiva com o presidente de Belarus, Alexandr Lukashenko.

Ele explicou que Moscou "negocia com os líderes do Talibã sobre certas categorias de cidadãos" que têm direito a ser repatriados ou evacuados, disse Putin.

Na opinião do presidente russo, alguns países europeus se culpam por "ter deixado seu povo para trás" em meio à "catástrofe" que está ocorrendo no Afeganistão após a saída de tropas internacionais e a tomada do poder pelos talibãs.

A Rússia manteve aberta sua embaixada em Cabul e mantém contatos com o Talibã através de sua legação no país.

Internacional