Combates entre rebeldes e Exército matam 27 no Sudão do Sul

Por Denis Dumo

JUBA (Reuters) - Um ataque de rebeldes a forças do governo do Sudão do Sul resultou em 27 mortos, disse uma autoridade do governo nesta quinta-feira.

Três soldados do governo e 24 combatentes leais ao líder rebelde Riek Machar foram mortos nos combates no Estado de Liech, no sul do país, na quarta-feira, disse o ministro da Informação da região, Peter Makouth Malual, à Reuters.

O porta-voz dos rebeldes Lam Paul Gabriel não tinha o número de mortos nos combates. Ele disse à Reuters que estava tentando entrar em contato com os comandantes no local.

Diplomatas e analistas disseram à Reuters no início deste mês que é improvável que as negociações de paz sejam retomadas para colocar fim a uma guerra que já matou dezenas de milhares de pessoas e criou a maior crise de refugiados da África.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos