PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Giro UOL traz os destaques da manhã desta terça, 28/02, para você; ouça

Thomaz Molina

Do UOL, em São Paulo

28/02/2017 07h11

  • Reprodução/TV Globo

    Novo acidente na Sapucaí

    A parte de cima de um dos carros da Unidos da Tijuca afundou antes de entrar na avenida Marquês de Sapucaí na madrugada de hoje. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, 19 pessoas foram atendidas no posto médico do sambódromo, 11 que ficaram feridas e oito que necessitaram de assistência por ansiedade e nervosismo. O acidente é o terceiro envolvendo carros alegóricos no Carnaval do Rio de Janeiro. Na primeira noite, um carro da Paraíso da Tuiuti perdeu o controle e feriu 20 pessoas, três delas em estado grave. Hoje, uma plataforma do quarto carro da Mocidade Independente de Padre Miguel se soltou, e levou a integrante que estava sobre ela ao chão. A jovem não sofreu ferimentos e passa bem. Leia mais

  • Getty Images/iStockphoto

    Reforma da Previdência

    A reforma da Previdência vai abrir um novo mercado de administração das aposentadorias de servidores públicos, e Estados e União se mexem para controlar esses recursos. Se aprovada da forma como propõe o governo, a reforma vai impor aos novos funcionários públicos de Estados e municípios um limite de aposentadoria semelhante ao do setor privado (hoje de R$ 5.531,31). Quem ganha mais que isso e quiser aumentar a renda na velhice vai ter que aderir a planos complementares. Leia mais

  • Felipe Rau/ Estadão Conteúdo

    Hora de libertar petistas

    O presidente do PT Rui Falcão classificou como memorável o despacho do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, que colocou em liberdade o ex-goleiro Bruno, acusado de participar da morte da ex-amante Eliza Samúdio. Falcão cobrou tratamento igual para José Dirceu, Antonio Palocci e João Vaccari, os presos petistas da Lava Jato. Leia mais

  • Dario Oliveira/Estadão Conteúdo

    Lula inelegível?

    Se seguirem o ritmo de outros processos, as ações contra o ex-presidente Lula que correm com o juiz Sérgio Moro podem tornar o petista inelegível antes das eleições de outubro de 2018. Levantamento do jornal Folha de S.Paulo nas seis ações da Lava Jato já julgadas em segunda instância mostra que levam, em média, 1 ano e 10 meses até chegarem a um veredicto no Tribunal Regional Federal. Mantido esse ritmo, Lula ficaria inelegível em meio à campanha de 2018, entre julho e outubro. Leia mais

  • Renato S. Cerqueira/Futura Press/Estadão Conteúdo

    Ministro passa bem

    O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, passa bem depois de cirurgia realizada nesta segunda-feira (27) no hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre. Padilha, que está de licença médica desde a semana passada, foi submetido a um procedimento urológico para a retirada da próstata, que apresentava problema. Leia mais

  • Carlos Barria/Reuters

    Mais poderio bélico

    O presidente Donald Trump planeja aumentar em US$ 54 bilhões o orçamento para o setor bélico dos EUA. Os cortes sairiam de áreas como o Departamento de Estado do país. A decisão de Trump confirma que o presidente quer retomar o enfoque militarista da atuação dos EUA no exterior, o que vai na contramão dos cortes de gastos no setor feito pela gestão Obama. Leia mais

  • Robson Ventura/Folhapress

    Fim da linha

    A diretoria do Coritiba demitiu o técnico Paulo César Carpegiani. Pesou contra o treinador a eliminação do time na Copa do Brasil para o ASA-AL. O Coritiba tem clássico marcado contra o Atlético-PR amanhã. O time vai ser comandado pelos auxiliares Márcio Goiano e Pachequinho. Leia mais

  • Getty Images

    Gafe que abalou

    Brian Cullinan, sócio da empresa que faz a auditoria do Oscar, diz que está se sentindo 'terrível' por ter entregue o envelope errado que gerou a gafe na cerimônia do domingo. A empresa ainda não responsabilizou Cullinan pelo ocorrido, mas disse que vai investigar o caso. O prêmio de melhor filme foi por engano para La La Land. A gafe só foi desfeita quando diretores do filme viram que o envelope estava errado e que a vitória era de Moonlight. Leia mais

Cotidiano