PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Ex-catadora que devolveu dinheiro de hospital achado no lixo vira modelo

Ex-catadora de recicláveis Ana Maurícia dos Santos, 23, em seu primeiro trabalho como modelo - Divulgação
Ex-catadora de recicláveis Ana Maurícia dos Santos, 23, em seu primeiro trabalho como modelo Imagem: Divulgação

Eduardo Schiavoni

Do UOL, em Americana (SP)

21/05/2015 16h32

Conhecida por ter devolvido ao Hospital do Câncer de Barretos, em janeiro deste ano, R$ 250 mil em cheques de doações à instituição encontrados no lixo, a ex-catadora de recicláveis Ana Maurícia dos Santos, 23, estreou, nesta semana, como modelo. Ela realizou a campanha de Dia dos Namorados de um shopping em Barretos (423 km de São Paulo).

Ana, que não tem emprego fixo desde que encontrou os cheques --ela se desligou da cooperativa onde trabalhava e chegou a ser chamada para uma vaga no próprio Hospital do Câncer, mas acabou não assumindo o cargo--, recebeu cachê de R$ 250 e se diz muito feliz por realizar um sonho.

"Foi meu primeiro trabalho como modelo de publicidade e posso dizer que realizei um dos meus maiores sonhos. Tomara que agora novas portas se abram. Estou disposta a fazer trabalhos como modelo", disse.

A campanha já foi divulgada em cartas e no site do North Shopping Barretos e deve nos próximos dias chegar aos outdoors e TV. Nela, Ana aparece abraçada a um modelo. "Somos um casal apaixonado e fomos fotografados como se estivéssemos fazendo uma selfie", diz.

Procurado, o North Shopping informou que a campanha atingiu todos os objetivos propostos pelo centro comercial e que estuda chamar Ana para novas campanhas.

Ana afirma que adorou o clima do estúdio e que só estranhou a maquiagem.

"Costumo usar uma coisa mais leve. Mas o resultado ficou muito bom. E é superlegal ter gente fazendo o seu cabelo, te deixando linda", diz.

Trabalho

A ex-catadora lembra que seu sonho de ser modelo começou a ser realizado em abril, quando ganhou um book de uma empresa que agencia modelos.

"As fotos ficaram muito boas, fiquei linda, nem parecia eu mesma. A partir daí, ficou mais fácil batalhar uma oportunidade como modelo", diz.

Apesar do início na nova carreira, Ana afirmou que também continua a fazer trabalhos eventuais como babá e passadeira de roupas, além de fazer limpeza em residências.

"São atividades que eu posso exercer sem prejudicar meus estudos", diz ela, que optou por voltar a estudar logo depois de devolver os cheques.

Ana frequenta a EJA (Educação de Jovens e Adultos) e deve terminar, nos próximos meses, o segundo ano do ensino médio.

Ela diz ainda que aguarda uma oportunidade de emprego em uma das lojas do shopping, que informou que busca um horário para que ela consiga conciliar o trabalho com os estudos.

"Mas meu principal objetivo é terminar os estudos e fazer um curso de enfermagem. Sem deixar de lado os trabalhos como modelo", diz.

Cotidiano