Diego Herculano/AFP

Violência no Rio

Com moto aquática emprestada, PM prende traficante que fugia a nado no RJ

Alfredo Mergulhão

Colaboração para o UOL, no Rio

  • Polícia Militar

    Policiais militares de Niterói pegaram uma moto aquática emprestada para capturar supeito de tráfico

    Policiais militares de Niterói pegaram uma moto aquática emprestada para capturar supeito de tráfico

Um homem foi preso na tarde de quinta-feira (13) após ter se jogado nas águas da Baía de Guanabara para fugir da Polícia Militar, em Niterói, na região metropolitana do Rio. Os agentes usaram uma moto aquática para alcançar o suspeito de tráfico de drogas.

De acordo com o comandante do 12º Batalhão da PM, coronel Fernando Salema, a perseguição começou depois que os policiais fizeram uma incursão no Morro do Cavalão, que fica acima de um túnel que separa os bairros de Icaraí e São Francisco.

Tanto a favela quando os bairros estão situados em uma área nobre de Niterói e têm encostas que ficam de frente para a Baía de Guanabara.

"Houve uma troca de tiros e um dos suspeitos abandonou uma moto e correu. Ele se jogou no mar e nadou em direção a uma embarcação. Mas os policiais contaram com a ajuda do piloto de uma moto aquática e de um barco que passava pelo local", explicou o coronel.

O suspeito foi alcançado pelos policiais e preso enquanto nadava, antes de conseguir alcançar a embarcação para onde se direcionava.

Salema disse que o suspeito havia abandonado uma sacola com 50 papelotes de cocaína na favela, para poder se atirar no mar. O detido, que não teve o nome divulgado, foi reconhecido como um dos gerentes do tráfico da comunidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos