PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Jovem que descobriu câncer após teste de gravidez opera com sucesso após vaquinha

 Gerardo Soares Filho, de 18 anos, descobriu um câncer ao fazer teste de gravidez - Arquivo Pessoal
Gerardo Soares Filho, de 18 anos, descobriu um câncer ao fazer teste de gravidez Imagem: Arquivo Pessoal

Lucas Borges Teixeira

Colaboração para o UOL

27/07/2017 16h10

Gerardo Filho, jovem de 18 anos que descobriu o câncer quando fez um teste de gravidez de brincadeira, fez a cirurgia para retirada do tumor na última quarta-feira (26), em São Paulo. A família conseguiu juntar, via vaquinha on-line, os R$ 200 mil necessários para fazer a operação, realizada com sucesso.

Em fevereiro, Gerardo fez um teste de gravidez com a namorada como piada na escola. Quando o resultado veio positivo, o estudante do curso técnico em enfermagem fez exames para entender a causa. Ele apresentava um tumor de células geminativas, coriocarcinoma (TCG), na fase 4, que já havia dado metástase e se espalhado pelo pulmão e pelas regiões do coração e do crânio.

A cirurgia da última quarta, realizada durante mais de sete horas no Hospital B P Mirante, tinha o objetivo de remover o tumor em metástase no mediastino, região toráxica.

“Foi bem difícil, mas diria que foi tecnicamente perfeita”, afirma o cirurgião de tórax Alexandre Oliveira, responsável pela operação, em entrevista ao UOL. “Houve pouco sangramento e o tumor saiu inteiro. Ser um paciente jovem ajuda muito.”

Gerardo deve ficar na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital até esta sexta-feira, com mais três dias de internação no hospital. Mas ainda não acabou. “Este é um dos passos do tratamento com intuito de tentar curá-lo”, explica ao UOL o oncologista Fábio Schultz, que acompanha o jovem desde a descoberta. “Ele está bem clinicamente, mas ainda precisamos ver o resultado das biópsias da cirurgia para discutir as próximas etapas.”

Entre as opções estão a continuação da quimioterapia em Fortaleza, cidade de origem de Gerardo, ou até outra cirurgia na mesma região. Além disso, o jovem ainda deve enfrentar o tumor instalado no cérebro, que, entre as possibilidades, há o tratamento via radioterapia.

Gerardo Filho fez a cirurgia para retirada do tumor na última quarta-feira, em São Paulo - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Gerardo Filho fez a cirurgia para retirada do tumor na última quarta-feira, em São Paulo
Imagem: Reprodução/Facebook

Vaquinha para a cirurgia

A operação, realizada em um dos principais hospitais de ponta de São Paulo, só foi possível graças a uma campanha on-line lançada há poucos meses pela família e amigos de Gerardo. #todospeloGerardo tinha o objetivo de arrecadar R$ 200 mil para custear a viagem de Fortaleza e os gastos médicos.

Feliz, Lígia Bezerra, mãe do jovem, conta que eles conseguiram passar da meta. “Até domingo à noite, quando viemos para São Paulo, já estava em R$ 210 mil”, relatou ao UOL. “Agradecemos muito a ajuda de todos.”

A campanha viralizou no Facebook e chegou a envolver famosos, como o youtuber Whindersson Nunes e o comediante Tirulipa. Os dois principais clubes de futebol do Estado, Fortaleza e Ceará, também fizeram postagens pela campanha.

Como descobriu

Gerardo descobriu o seu tumor de uma maneira no mínimo curiosa. Estudante de técnico de enfermagem, o jovem pegou dois testes de gravidez no laboratório da escola para fazer com a namorada. O que chamou a atenção no entanto é que o seu deu positivo e o dela, negativo.

“Minha mãe está acostumada a arrumar minha mochila e achou o teste. Ela pensou que era da minha namorada, claro”, contou o jovem ao UOL. Dona Lígia foi à escola com os pais da jovem e só então ambos foram submetidos a um exame de sangue.

O resultado confirmou o inesperado: a namorada não tinha o hormônio placentário bate-hCG, que indica gravidez, enquanto Gerardo apresentou mais de 10 mil unidades, o equivalente a uma gestante de sete meses.

Quando Gerardo fez uma tomografia, descobriu que estava com um tumor de células germinativas, coriocarcinoma, que tem como uma das características a produção de beta-hCG – o que fez com que o teste de gravidez desse positivo.

Cotidiano