PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Namorada do Dr. Bumbum está grávida e obtém transferência de presídio

Renata Fernandes, secretária e namorada do Dr Bumbum, foi transferida da 16dp, Barra da Tijuca, para presídio. - Fabiano Rocha/Agência O Globo
Renata Fernandes, secretária e namorada do Dr Bumbum, foi transferida da 16dp, Barra da Tijuca, para presídio. Imagem: Fabiano Rocha/Agência O Globo

Marina Lang

Colaboração para o UOL, no Rio

27/07/2018 15h03

A Seap (Secretaria de Estado de Administração Penitenciária) do Rio afirmou que Renata Fernandes de Cirne, 19, a namorada do médico Denis Furtado -- conhecido como Dr. Bumbum -- está grávida e por isso será transferida de unidade prisional. Ambos foram presos quando uma paciente do médico morreu após passar por um procedimento estético.

Renata é suspeita de ter ajudado o Dr. Bumbum a fazer um procedimento nos glúteos da bancária Lilian Calixto, 46, no dia 14 de julho. A vítima morreu na madrugada seguinte após ser levada para um hospital. Renata nega ter atuado no procedimento e afirma que trabalhava apenas como secretária de Furtado. Procurada, sua defesa disse que não se pronunciaria.

O médico e a namorada foram presos porque a polícia suspeita que o procedimento foi realizado no apartamento de Furtado e não em uma instalação médica apropriada. O Dr. Bumbum diz que o procedimento aconteceu em uma clínica.

Renata foi presa após a morte de Lilian e sua defesa entrou na Justiça com um pedido de liberdade provisória. Contudo, a Justiça entendeu que a prisão temporária de 30 dias é "imprescindível" para que o trabalho da polícia de coleta de provas seja concluído.

A jovem informou a gravidez a agentes da unidade prisional para onde foi levada no começo da semana. Ela foi submetida a um exame, que confirmou a informação.

Segundo informações da Seap, ela foi transferida para a Penitenciária Talavera Bruce, no Complexo de Gericinó, em Bangu, onde há uma ala específica para as presas grávidas.

Na decisão que a manteve presa, o juiz Bruno Machado Manfrenatti, da 1ª Vara Criminal da Capital, afirmou que uma ex-paciente do Dr. Bumbum afirmou que seria submetida a uma cirurgia na residência de Renata. No estacionamento do apartamento, a polícia encontrou um carro onde havia medicamentos usados para procedimento nos glúteos.

Denis e sua mãe, também suspeita de envolvimento no caso, se encontram presos temporariamente enquanto a Polícia Civil do Rio conclui o inquérito.

Cotidiano