Topo

Acusado de assédio, João de Deus é casado e pai de nove filhos

Naomi Campbell ao lado de João de Deus, sua esposa e a filha caçula, Marianne, em 2015 - Reprodução/Facebook
Naomi Campbell ao lado de João de Deus, sua esposa e a filha caçula, Marianne, em 2015 Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

09/12/2018 20h34

Envolvido em acusações de assédio a mulheres, o médium João de Deus, 76, é casado e tem nove filhos. Sua mulher, Ana Keyla Teixeira Lourenço, 36, mãe da mais nova de seus filhos, de três anos, administra as contas de João nas redes sociais.

Na última sexta-feira (7), depois de o programa "Conversa com Bial" da TV Globo revelar denúncias de assédio sofrido por mulheres atendidas pelo guia espiritual, a página de João no Instagram foi utilizada para chamar a reportagem de mentirosa. O post foi apagado e trocado por um em que o médium diz que perdoa "todos aqueles que me fizeram ou tentem fazer mal".

Com os relatos, o nome do médium integra uma lista cada vez mais crescente de proeminentes acusados de assédio.  Além disso, é o segundo líder espiritual brasileiro a receber esse tipo de acusação em um curto período de tempo: em agosto, foi a vez do Sri Prem Baba, 52, ser acusado de abuso por diferentes discípulas.

Nascido em Cachoeira da Fumaça, interior de Goiás, João Teixeira de Faria, seu nome original, vem de família humilde e ganhou projeção internacional graças ao que afirma ser um dom sobrenatural: a mediunidade. "João de Deus é um homem nascido em família simples, que tem problemas como qualquer homem comum", diz sua página na internet.

Quem é João de Deus?

De atores de Hollywood, modelos e políticos de vários espectros políticos, João de Deus tornou-se esotérico mais conhecido do Brasil.

Os atendimentos e as cirurgias espirituais de João de Deus e os profissionais que o ajudam acontecem na Casa Dom Inácio de Loyola, fundada pelo guia em 1976 em Abadiânia, cidade de Goiás no meio do caminho entre Brasília e Goiânia. 

João de Deus em atendimento na Casa de Dom Inácio de Loyola - Divulgação/Casa de Dom Inácio
João de Deus em atendimento na Casa de Dom Inácio de Loyola
Imagem: Divulgação/Casa de Dom Inácio

No site da Casa de Dom Inácio, a agenda do hospital espiritual continua sem alterações, com os habituais atendimentos às quartas, quintas e sextas-feiras, sempre começando às 8h e às 14h. O calendário informa que não é necessário agendar visita, não há distribuição de senhas e que todas as pessoas são atendidas, gratuitamente (apenas os medicamentos eventualmente usados são cobrados). 

A lista de personalidades que já procuraram João de Deus em busca de suporte a sua saúde é extensa e inclui de celebridades e políticos, nacionais e internacionais. 

Xuxa, Cláudia Raia, Marcos Mion, Luciana Gimenez, Naomi Campbell, Nizan Guanaes e Fábio Assunção são alguns dos que já passaram por lá. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acometido por um câncer na laringe, hoje sob controle, fez visitas e manteve contato com o médium em 2015. Sua sucessora Dilma Rousseff, que também combateu um câncer no sistema linfático em 2008, foi outra visitante da casa espiritual.

"John of God"

Oprah entrevistou João de Deus em Abadiânia em 2013 - Oprah Winfrey Show/Reprodução
Oprah entrevistou João de Deus em Abadiânia em 2013
Imagem: Oprah Winfrey Show/Reprodução
A popularidade de João de Deus se espalhou fora do Brasil a partir de 1991, depois de um atendimento que fez à atriz americana Shirley MacLaine, supostamente curada de um tumor.

Reportagens e livros publicados nos Estados Unidos e na Europa se encarregaram de espalhar a fama, como a obra "João de Deus: O médium de cura brasileiro que transformou a vida de milhões" --"John of God", no título original e como é chamado em diversas das matérias a seu respeito no exterior. 

O livro é de autoria da escritora Heather Cumming e da fotógrafa Karen Leffler, que o acompanharam em suas viagens.

Em 2012, a apresentadora norte-americana Oprah Winfrey veio ao Brasil para conhecê-lo e gravar um quadro para seu programa “Super Soul Sunday”. Na ocasião, ela disse ter sentido "algo muito forte", "muito além do que esperava".

"João de Deus: um manual para a sua sua jornada de cura com médicos espirituais além do véu", da norte-americana Maytrae Meliana, e "O homem milagroso: a história de João de Deus", do australiano radicado no Brasil Robert Pellegrino-Estrich, são outras obras sobre o médium, ambas originais em inglês. 

Médium elogiou Sergio Moro?

Na internet, há diversas postagens em blogs, sites independentes e canais de vídeos creditando a João de Deus frases de apoio e elogio ao juiz Sergio Moro durante as investigações da Lava Jato. Os vídeos, no entanto, não reproduzem sua imagem ou voz dando as declarações, bem como não há outras fontes oficias sobre elas, como páginas pessoais do próprio médium e entrevistas à imprensa sobre o assunto.

Mais Cotidiano