Topo

Homem aproveita loja fechada e "pesca" roupas de vitrine em MG

Daniel Leite

Colaboração para o UOL, em Juiz de Fora (MG)

2019-06-25T19:06:51

25/06/2019 19h06

As câmeras de segurança de uma loja de vestuário em Juiz de Fora (MG) flagraram uma cena inusitada na noite de anteontem. Um homem conseguiu "pescar" roupas expostas na vitrine e passá-las por um espaço muito estreito. Em três minutos, ele "fisgou" seis peças e fugiu.

Era início da noite de domingo, e a galeria onde fica o estabelecimento estava vazia, com o comércio todo fechado.

As imagens mostram, primeiramente, o assaltante se aproximando e observando a vitrine e as peças de lã. Em um determinado momento, ele para e parece afixar ou fazer algo junto ao vidro da fachada da loja. Depois ele se afasta e, quando retorna, dentro de dois minutos, faz a retirada das peças, uma a uma.

Pela filmagem, não dá para identificar exatamente o objeto que o homem utiliza para enganchar as roupas, mas é possível notar que ele passa algo bem fino pela fresta da porta de vidro, que tem, no máximo, 1 cm de espessura.

"Você vê que tem não nada, nenhum arranhão, nada danificado no vidro, porque o alarme nem disparou", diz a dona da loja, Elaine Cruz.

O furto só foi percebido na manhã de ontem, quando uma vendedora chegou para abrir o estabelecimento. "Sabe o que eu fiquei impressionada de ver? A calma dele em pegar o 'anzolzinho' e tirar as roupas", disse a funcionária Simone Magrini.

A cidade interiorana de Juiz de Fora possui aproximadamente 40 galerias somente na região central. A comerciante Elaine diz que esta, onde ela mantém a loja, é uma das poucas que ficam abertas para circulação do público fora do horário comercial.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil da cidade. O autor da "pescaria" ainda não foi identificado.

Mais Cotidiano