PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Gari encontra R$ 700, devolve a aposentada e gesto viraliza na internet

Gari Leandro achou R$ 700 no chão e devolveu para a dona do dinheiro - Redes sociais/Reprodução
Gari Leandro achou R$ 700 no chão e devolveu para a dona do dinheiro Imagem: Redes sociais/Reprodução

Marina Lang

Colaboração para o UOL, no Rio de Janeiro

30/08/2019 19h51

Quando encontrou a quantia de R$ 700 no chão de uma rua em Realengo, na zona oeste do Rio, o gari Leandro de Carvalho da Silva, 31, não hesitou: saiu em busca de quem tinha perdido o dinheiro na última terça-feira (27). A dona da cifra era a aposentada Maria Eli da Silva, 72, que havia saído para pagar o aluguel da filha doente e, sem querer, deixou o valor cair da bolsa. Para a sorte da idosa, o gari trabalhava na rua em que ela perdeu o dinheiro.

"Eu estava trabalhando normalmente, estava tirando o lixo das cestas e botando no chão para facilitar para os outros garis do caminhão. Estava puxando o lixo e pisei no dinheiro e encontrei. Pensei: 'de quem é?'. Comentei com um vizinho e perguntei se estava com dinheiro. Ele disse que não tinha, que estava duro. Vi que não era o dono", narrou ele.

"Lembrei que a 'vó' subiu e vi que ela entrou dentro de casa. Chamei ela e perguntei se tinha perdido algo. Ela disse: 'meu filho, perdi R$ 700'. Eu disse: 'Perdeu, nada, vó, achou'. E entreguei", prosseguiu, para comoção da aposentada.

O apelido carinhoso de "vó" mostrou que ambos já se conheciam: Leandro trabalha na região, e Maria Eli frequentemente abastece os garis com quitutes. "Ela sempre agrada a gente, sempre dá suco, café e pãozinho. Quando estamos tranquilos de trabalho, batemos um papo no portão", contou o gari.

Ele conta que Maria Eli estava visivelmente nervosa com a perda financeira e que já apresentava sintomas de mudança de pressão. "Ela é idosa e eu entendo. Eu vivo de aluguel também, não dá nem para imaginar perder esse dinheiro", comentou Leandro.

O gesto viralizou na internet. Ele ficou surpreso com a repercussão. "Eu pensei que não ia ser assim. Só fui para devolver o dinheiro e continuar o meu trabalho. A neta dela pediu para tirar uma foto, disse que não podia deixar passar em branco. Achei muito legal", comemorou.

Atitude viralizou na web

Uma página de redes sociais compartilhou uma foto de Leandro e o relato de uma neta de Maria Eli contando o incidente.

Gari Leandro - Redes sociais/Reprodução - Redes sociais/Reprodução
Valor devolvido à idosa corresponde a quase metade do salário de Leandro
Imagem: Redes sociais/Reprodução

"O gari estava juntando o lixo na travessa na rua D, minha vó estava com o dinheiro na mão na Travessa Piraquara, já indo pra Nogueira, em Realengo pagar o aluguel da minha tia, quando botou a mão no bolso e se deu conta que o dinheiro não estava no bolso, a blusa tampou o bolso e o dinheiro caiu", diz a jovem, que não se identifica na postagem.

"Mais um pouquinho a frente ela deu falta e desceu correndo pra ver se deixou aqui no armário.... Quando ele 'GARI' achou ele perguntou a um vizinho, o senhor está com algum dinheiro no bolso ele falou: não, aí ele lembrou da minha vó, viu ela correndo e veio até aqui no portão dela. Chamou ela aqui no portão e perguntou a senhora perdeu alguma coisa? ela falou: perdi 700.00 aí ele aqui o dinheiro da senhora", prossegue o relato, acompanhado de uma foto de Leandro para prestar homenagem ao ato.

Leandro é funcionário da Comlurb (Companhia de Limpeza Urbana) há dez anos. O valor devolvido à idosa corresponde a quase metade de seu salário. O gari é casado e tem duas filhas pequenas. Uma delas, que tem 5 anos, prometeu que iria levar as reportagens para mostrar aos colegas de Jardim de Infância.

"Eu acho que a mensagem que eu deixaria por aqui é nunca guarde o que não é seu. O que você achou você devolve. O que você coquista é melhor do que o que você acha. Isso sim é valioso", concluiu.

Cotidiano