Topo

Polícia cumpre mandados contra grupo que recrutava mulas e traficava drogas

ESTADÃO CONTEÚDO/ BRUNO ESCOLASTICO
Imagem: ESTADÃO CONTEÚDO/ BRUNO ESCOLASTICO

Do UOL, em São Paulo

20/11/2019 08h51

Uma operação da Polícia Federal deflagrada na manhã de hoje cumpre 40 mandado de prisão e outros 40 de busca para desarticular uma organização especializada em tráfico de cocaína e haxixe.

De acordo com a PF, a Operação Wanderlust investigou desde março de 2019 o grupo que enviava cocaína para a Europa por meio de aeroportos e ainda fazia tráfico de haxixe internamente, no Brasil.

Os mandados de prisão e de busca e apreensão são cumpridos nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Mato Grosso, Paraíba, Amazonas e no Distrito Federal. Há ainda ordens judiciais para apreensões de 40 veículos, entre eles embarcações, caminhões, automóveis e motocicletas, e sequestro de bens estimados em mais de R$ 10 milhões.

Partindo de Caxias do Sul (RS) e Curitiba (PR), a organização criminosa recrutava mulheres de diversos estados e as usava como "mulas" para transportar drogas para a Europa.

Foram realizados flagrantes em aeroportos brasileiros e no exterior. Neles, 25 pessoas foram presas em flagrante, seis delas em Lisboa, em Portugal. Nestas ações, quase duas toneladas de drogas apreendidas. Outra ação, em João Pessoa (PB) resultou na apreensão de 1,6 tonelada de haxixe em um veleiro vindo do Marrocos. Foi a maior apreensão da droga pela Polícia Federal.

Cotidiano