PUBLICIDADE
Topo

RJ tem redução de homicídios dolosos e outros crimes em outubro, diz ISPRJ

Policiais realizam operação no morro do Adeus, no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro - José Lucena/Futura Press/Estadão Conteúdo
Policiais realizam operação no morro do Adeus, no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro Imagem: José Lucena/Futura Press/Estadão Conteúdo

do UOL, em São Paulo

25/11/2019 14h51

O estado do Rio de Janeiro teve uma redução de 17% nos casos de homicídios dolosos no mês de outubro. Os dados sobre a violência foram divulgados hoje pelo Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro (ISPRJ).

Foram 317 vítimas, o segundo menor número no estado para o mês desde 1991 - atrás apenas de outubro de 2012, com 314 mortes. No acumulado do ano (janeiro a outubro), os homicídios dolosos tiveram uma redução de 21%, com 884 mortes a menos, o menor valor para o mês desde 1991.

As mortes violentas intencionais (homicídio doloso, roubo seguido de morte e lesão corporal seguida de morte) diminuíram 18% em relação outubro de 2018, com 71 vítimas a menos, e 22% em comparação com o acumulado do ano, com 952 mortes a menos.

Com relação aos latrocínios (quando há roubo seguido de morte), em outubro foram registradas quatro vítimas, sete a menos do que em outubro do ano passado. O resultado é o menor para o mês desde 1998.

Já de janeiro a outubro deste ano, os casos de latrocínio tiveram uma queda de 36% no número de vítimas quando comparado com o mesmo período de 2018: 95 vítimas, o menor para o período desde 1991.

No mesmo período deste ano, as polícias Civil e Militar apreenderam 7.215 armas de fogo no estado e 468 fuzis, o maior número de apreensão deste tipo de arma em 12 anos.

Veículos, roubos de rua e de cargas

Ainda de acordo com os números do ISPRJ, os roubos de veículo diminuíram 29% em outubro desse ano se comparado ao mesmo mês do ano passado. Foram 3.027 ocorrências. No acumulado do ano, a redução foi de 24%, o menor para o período desde 2017.

Já os roubos de rua, que contabilizam roubo a transeunte, em ônibus urbano e de celular, tiveram uma queda de 15% em outubro se comparado com outubro de 2018 (foram 1.721 casos a menos) e 6% no acumulado do ano.

Os roubos de carga reduziram 11% em outubro em relação ao mesmo período do ano anterior, o menor valor para o mês desde 2015. No acumulado do ano, a queda foi de 18%, ou 1.344 cargas roubadas a menos.

Cotidiano