PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
2 meses
Motociclistas fazem manobra 'superman' e são perseguidos pela polícia; veja

Felipe Munhoz

Colaboração para o UOL, em Lençóis (BA)

07/09/2020 18h38

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou ontem três motociclistas dirigindo deitados sobre o veículo e com apenas uma das mãos no guidão na altura do km 242 da BR-262, em Ribas do Rio Pardo (MS). De acordo com a PRF, a manobra proibida e extremamente perigosa é conhecida como "superman". Um homem foi detido e os outros dois fugiram.

O vídeo mostra o momento em que os policiais se aproximam dos motociclistas, ligam a sirene e pedem para parar, mas não são atendidos. Na imagem ainda é possível ver quando dois condutores, deitados sobre a moto e dirigindo com apenas uma das mãos, ultrapassam um caminhão ao mesmo tempo —um pela esquerda e o outro pelo acostamento.

A PRF prendeu Paulo Sérgio Ribas Pluma, 24. Ele não tinha habilitação e foi constatada embriaguez com teor alcoólico de 0,16 mg/l, sendo que o permitido é até 0,05 mg/l. Os outros dois homens conseguiram fugir, mas as placas das motos foram identificadas e os donos serão autuados por diversas infrações (leia mais abaixo).

O condutor detido responderá pelo crime de participar de disputa ou competição automobilística em via pública, previsto no artigo 308 do Código de Trânsito Brasileiro. Ele pode responder em liberdade se pagar a fiança de R$ 6.000, porém, segundo a PRF, ele ainda está preso. A reportagem não encontrou a defesa de Paulo Pluma até a última atualização deste texto.

A PRF afirmou que Paulo Pluma fez uma manobra arriscada para fazer o retorno para a cidade de Ribas de Rio Pardo, enquanto os outros dois motociclistas seguiram no sentido Campo Grande. Neste momento, o condutor foi abordado pelos policiais e conduzido para a Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo.

Após a perseguição policial, o proprietário de uma das outras duas motos se apresentou com o veículo na delegacia e informou o nome da pessoa que conduzia a moto no momento do flagrante.

Duas motos foram apreendidas após manobras perigosa; um homem foi detido - PRF/Divulgação - PRF/Divulgação
Duas motos foram apreendidas após manobras perigosa; um homem foi detido
Imagem: PRF/Divulgação

Infrações cometidas

O total das infrações cometidas pelas três motos soma mais de R$ 26 mil em multas. Além disso, as manobras e a pontuação somada são passíveis de suspensão da carteira de habilitação.

Moto vermelha apreendida

  • Conduzir o veículo em mau estado de conservação, comprometendo a segurança: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Conduzir o veículo com o lacre de identificação violado ou falsificado: 7 pontos e multa de R$ 293,47
  • Conduzir o veículo sem equipamento obrigatório (capacete): 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Conduzir veículo com sistema de iluminação ou sinalização defeituoso, ou com lâmpada queimada: 4 pontos e multa de R$ 130,16
  • Desobedecer às ordens da autoridade competente de trânsito: 5 pontos e multa de 195,23
  • Ultrapassar veículo pelo acostamento: 7 pontos e multa de R$ 1.467,35
  • Ultrapassar em faixa amarela contínua: 7 pontos e multa de R$ 1.467,35
  • Transitar pela contramão em via de mão dupla, salvo ultrapassagem: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Dirigir veículo sem possuir CNH, PDD ou ACC: 7 pontos e multa de R$ 880,41
  • Dirigir usando calçado que não se firme nos pés ou que comprometa a utilização dos pedais: 4 pontos e multa de R$ 130,16
  • Dirigir sob a influência de álcool: suspende a CNH por 12 meses e multa de R$ 2.934,70
  • Conduzir o veículo com equipamento obrigatório ineficiente ou inoperante: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Utilizar veículo para demonstrar ou exibir manobra perigosa: suspende a CNH e multa de R$ 2.934,70
  • Conduzir o veículo com a cor ou característica alterada: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Executar operações de retorno em locais proibidos pela sinalização: 7 pontos e multa de R$ 293,47
  • Conduzir moto sem segurar o guidão com ambas as mãos: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Total em multas: R$ 11.898,38

Moto preta apreendida

  • Conduzir o veículo em mau estado de conservação, comprometendo a segurança: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Conduzir o veículo com a cor ou característica alterada: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Conduzir o veículo sem equipamento obrigatório: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Desobedecer às ordens da autoridade competente de trânsito: 5 pontos e multa de 195,23
  • Ultrapassar veículo pelo acostamento: 7 pontos e multa de R$ 1.467,35
  • Ultrapassar em faixa amarela contínua: 7 pontos e multa de R$ 1.467,35
  • Transitar pela contramão em via de mão dupla, salvo ultrapassagem: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Dirigir usando calçado que não se firme nos pés ou que comprometa a utilização dos pedais: 4 pontos e multa de R$ 130,16
  • Utilizar veículo para demonstrar ou exibir manobra perigosa: suspende a CNH e multa de R$ 2.934,70
  • Executar operações de retorno em locais proibidos pela sinalização: 7 pontos e multa de R$ 293,47
  • Conduzir moto sem segurar o guidão com ambas as mãos: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Total em multas: R$ 7.464,41

Moto não apreendida

  • Conduzir o veículo sem equipamento obrigatório: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Desobedecer às ordens da autoridade competente de trânsito: 5 pontos e multa de 195,23
  • Ultrapassar veículo pelo acostamento: 7 pontos e multa de R$ 1.467,35
  • Ultrapassar em faixa amarela contínua: 7 pontos e multa de R$ 1.467,35
  • Transitar pela contramão em via de mão dupla, salvo ultrapassagem: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Utilizar veículo para demonstrar ou exibir manobra perigosa: suspende a CNH e multa de R$ 2.934,70
  • Executar operações de retorno em locais proibidos pela sinalização: 7 pontos e multa de R$ 293,47
  • Conduzir moto sem segurar o guidão com ambas as mãos: 5 pontos e multa de R$ 195,23
  • Total em multas: R$ 6.943,79.

Cotidiano