PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
2 meses
Amapá inicia rodízio de energia com intervalos de seis em seis horas

Visita do ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque (ao centro, de braço erguido), ao Amapá - Divulgação/Ministério de Minas e Energia
Visita do ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque (ao centro, de braço erguido), ao Amapá Imagem: Divulgação/Ministério de Minas e Energia

Gabriel Dias

Colaboração para o UOL, em Macapá

08/11/2020 14h43

A CEA (Companhia de Eletricidade do Amapá) divulgou hoje o cronograma do rodízio no fornecimento de energia elétrica. Com exceção dos serviços considerados essenciais, as demais unidades consumidoras de eletricidade passarão por rodízio de energia em intervalos de seis em seis horas.

O fornecimento de energia no estado vem sendo restabelecido parcialmente desde a madrugada de ontem, quando foram concluídos os reparos no transformador da Subestação Isolux, em Macapá, que possibilitou o fornecimento de apenas 65% de energia elétrica para todos o estado.

De acordo com o órgão, o rodízio deverá permanecer até que o fornecimento de energia seja 100% normalizado para todos os 13 municípios que foram afetados. Os horários de referência serão de 0h às 6h, 6h às 12h, 12h às 18h e 18h.

A companhia assegurou que o rodízio de energia não afetará serviços essenciais como hospitais, Centros Covid, unidades de pronto atendimento, bancos, empresas de telecomunicações e a Estação de Captação e a Estação de Tratamento da Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa).

Na tarde de ontem, o ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque, afirmou que o fornecimento de energia elétrica no Amapá só será 100% normalizado até o final da próxima semana. Ele está no estado acompanhando os trabalhos de recuperação no sistema.

Cotidiano